Título Original: Snow Like Ashes
Autor(a): Sara Raasch
Editora: HarperCollins
Páginas: 422
Tempo de Leitura: Uma Semana
Nota: 






Heey !

Queria a muito ler esse livro, ele tem uma capa tão linda e é muito falado lá fora. Então confirma a resenha dessa fantasia incrível.


Dezesseis anos trás o reino de Winter foi conquistado e seus moradores escravizados, deixando-os sem magia e sem um monarca. Agora, sua única esperança de liberdade está em oito sobreviventes que conseguiram escapar e que desde então estão esperando por uma oportunidade para roubar de volta a magia de Winter e reconstruir o reino.Tornada órfã durante a queda de Winter, Meira viveu toda sua vida como uma refugiada, criada pelo general de Winter, Sir. Treinando para ser uma guerreira - e desesperadamente apaixonada por seu melhor amigo e futuro rei, Mather - ela faria de tudo para ajudar seu reino ascender ao poder novamente.Então quando batedores descobrem a localização do antigo medalhão que pode restaurar a magia de Winter, Meira decide ir atrás dele ela measma. Finalmente ela está escalando torres, lutando contra soldados inimigos e servindo seu reino exatamente como ela sempre sonhou que faria. Mas a missão não acontece como planejado e Meira logo se encontra jogada em um mundo de magia maligna e tramas perigosas - e finalmente começa a perceber que seu destino não é, nunca foi, seu.

Confiram:



Esse livro me surpreendeu perto da metade para seu final, achei que não conseguiria continuá-lo e que perderia meu interesse mas esses pensamentos surgiram próximos da página vinte ou trinta e eu sabia que devia dar outra chance e não desistir. Foi a melhor coisa que eu fiz porque Snow Like Ashes é P-E-R-F-E-I-T-O!

 O livro está em uma estrutura perfeita, é dividido em 8 reinos e cada uma das pessoas que nele moram tem uma característica diferente como: cabelo, pele, cor dos olhos e estilo de viver. Cada um deles tem um condutor de magia que é usado pelas respectivas famílias reais. A magia é o elemento principal do livro, isso o faz incrivelmente fantástico.


"Algum dia nós seremos mais do que palavras no escuro"


Os 8 reinos são quatro Seasons e quatro Rhythms, os reinos Season, como o nome/tradução sugere está relacionado as estações do ano, nele existe apenas uma estação e são nomeadas de acordo com elas como por exemplo: Summer, Winter, Spring e Autunm (Verão, Inverno, Primavera e Outono. Os Rhythms são os considerados lugares nomais e possuem as quatro estações.

Existe então um ataque. Spring atava Winter e quebra o seu condutor de magia e faz o reino inteiro escravo. Poucos sobreviveram e Meia, a principal, faz parte desse grupo. Eles tentam ter de volta seu condutor de magia e ter seu povo livro, querem reestabelecer o reino.

Sabe aquele livro que tem uma característica tipicamente YA? Com um triângulo amoroso? Com medos que não acabam? Com mimim das personagens? Dúvidas óbvias? Então, não existe isso em Snow Like Ashes. Ele é cheio de surpresas, eu fiquei boquiaberta com o final e pensei OMG, WTF COMO ISSO PODE ACONTECER?

"O medo é uma semente, que uma vez plantado, não para de crescer."

Tem livros que são de fácil leitura em qualquer língua, esse é exatamente assim. Meira é incrível, eu adorei ela como narradora e como personagem principal, é astuta, carinhosa, cuidadosa e nunca desiste e isso me conquistou nela. É a minha personagem preferida perdendo apenas para a Celeana de Trono de Vidro.

Mather é ótimo, ele é doce, gentil e corajoso tudo o que um perfeito mocinho deve ser, ele é um dos meus favoritos. Theron tem uma péssima família mas eu adoro ele, que é um pouco tímido e cheio de coragem escondida por trás de si. Sir é uma personagem incrível, é o soldado, o capitão e sem dúvida é a rocha da história. E o vilão, gente ele é demais mas um pouco irritante e prepotente.


"Você pode ser capaz de olhar para além da realidade da nossa situação e imaginar algum outro resultado, mas tudo o que eu já vi, tudo que eu sempre vou ver , é um lembrete de que nossas vidas não são nossas."

O livro é cheio de surpresa, mistério, magia, amor e principalmente coragem. Quando você começa a lê-lo é como afundar em um mundo tão exclusivo que é difícil pensar que alguém tenha pensado nele e que ele não tinha sido criado sozinho ou que existisse de verdade.


Quero muito ler Ice Like Fire, que é a continuação. É uma leitura deliciosa, rápida e incrível, cheia de surpresas e vocês tem que ler. Não estou sabendo se as editoras compraram os direitos desse livro, mas não tenho mais palavras para descrever o quão maravilhoso é esse livro.

Próximo Livro:



Deixe um comentário