Título Original: Lola and the Boy Next Door


Páginas: 288



Autor: Stephanie Perkins


Editora: Novo Conceito 



Tempo de leitura: Três Dias


Nota: 






Hello !

Queria ler esse livro ou qualquer coisa da Stephenie Perkins, logo decidi baixar e ler  para saber se gostaria ou não (óbvio e.e) e tenho que dizer se você gosta de clichês vai amar esse livro. Então confiram:
Lola e o Garoto da Casa ao Lado - A designer-revelação Lola Nolan não acredita em moda… ela acredita em trajes. Quanto mais expressiva for a roupa — mais brilhante, mais divertida, mais selvagem — melhor. Mas apesar de o estilo de Lola ser ultrajante, ela é uma filha e amiga dedicada com grandes planos para o futuro. E tudo está muito perfeito (até mesmo com seu namorado roqueiro gostoso) até os gêmeos Bell, Calliope e Cricket, voltarem ao seu bairro.Quando Cricket — um inventor habilidoso — sai da sombra de sua irmã gêmea e volta para a vida de Lola, ela finalmente precisa conciliar uma vida de sentimentos pelo garoto da porta ao lado.
Outras capas:

Tenho que dizer: Amei a escrita da Stephenie Perkins. É uma leitura clichê, não tem nada de novo, nem exclusivo, mas mesmo assim é incrível. A típica leitura para curar ressaca literária, para ler quando não se tem expectativa nenhuma e nessa condições (ou em outras) vai se apaixonar por Lola e toda sua singularidade.

Lola tem um namorado mais velho chamado Max de 22 anos enquanto ela tem 17, bem nada na vida da protagonista. Andy e Nathan são seus pais (sim, ela tem pais homossexuais) que na verdade um deles é seu tio, há uma longa história por trás dos pais biológicos dela. Até hoje ela foi uma das personagens mais exclusivas que li.


"Valorizam demais o que é perfeito. Perfeição é um tédio."

Gosto de personagens que fogem do comum e Lola é ímpar, decidida, consciente e incrivelmente teimosa. Ela não acredita em moda e com toda a razão, ama usar perucas, roupas diferentes e ser o que ninguém espera que ela seja. E isso foi que me conquistou nas primeiras páginas. Pensei "God, todos temos uma Lola, nem que seja pequenininha, dentro de nós mesmos".

O grande "problema de Lola" seria rever os gêmeos Bell (eles foram embora, mas advinhem? Voltaram! Embora eu tenha tido uma quedinha pelo Max, fiquei apaixonada pelo Cricket Bell foi maior (God, fiquei muito apaixonada por ele). O problema com os Bell chega também em Calliope, uma patinadora de sucesso (ou quase u-u). 

Ela e os gêmeos Bell se conhecem desde sempre, mas devido a problemas do passado as coisas... saíram dos eixos e Lola fica muito apreensiva quando eles voltam. Afinal, a vida dela parece entrar nos eixos e o passado bateu na porta sem que ninguém impedisse.

O que mais gostei na leitura é que independente de qualquer coisa, do passado com os gêmeos Bell, com o Max, com os pais gays, Lola nunca deixa de ser ela mesma. Estava cansada de ler livros e me deparar com as heroínas/protagonistas mudando. 

Dizem que é impossível não se apaixonar por "Ana e o Beijo Francês" e confesso que está na minha lista. Fui pesquisar e as personagens desse livro aparecem bastante em Lola e o Garoto da Casa ao Lado amo quando autoras mesclam as coisas assim.

"'Então, você acredita em segunda chance?', mordo o lábio. 'Segunda, terceira, quarta. O que for preciso. Por mais tempo que leve. Se for a pessoa certa'. Ele acrescenta. 'Se essa pessoa for... Lola?' Desta vez, ele retém meu olhar. 'Só se a outra pessoa for Cricket'."

Se eu fosse realmente falar da maravilha que foi ler esse livro certamente seria uma resenha de cinco páginas, foi amor a primeira vista com a Stephenie Perkins e por Lola com todo sua adorável maluquice. Ficaria sem palavras para descrever. 

Os livro que menos damos confiança são os que mais amamos e foi exatamente o que aconteceu ao ler. Queria ter lido antes ou dizer que as quase trezentas páginas foram o suficiente, mas não foram. Se fossem mais de trezentas seria cansativo e é isso que deixa você com vontade de ler até a redação da terceira série da autora.

Calliope sempre fora ciumenta e por se tornar uma patinadora conhecida teve que ir embora com a família e isso afastou Lola de Cricket enquanto eles começaram a nutrir algo maior. E agora com eles de volta parece que o sentimentos voltaram, mesmo estando com Max, as coisas estão difíceis de sentir. 

"... São as imperfeições de uma pessoa que a tornam perfeita para alguém."

E o amor está no ar, leiam e se apaixonem por Lola e todas as outras personagens. É um livro incrível, você vai amar do começo ao fim e quando acabar vai ter a sensação de ter ficado procurando a continuação sem nunca achar.


8 Comentários

  1. Oi
    eu morro de vontade de ler esse livro, mais quando tenho dinheiro para comprar nunca consigo achar. Gostei muito da resenha e como fazia tempo que não lia nada sobre o livro, me bateu uma enorme vontade de ler ele o ais rápido possível.

    momentocrivelli.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii, leia sim é muito bom <3 Super recomendo ^.^

      Bjoos Miih

      Excluir
  2. Parece ser mt bom , obg pela dica !

    estou seguindo teu blog.
    http://feve-reiro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Ahhhh, eu estou louca por esse livro há tanto tempo :( kk.
    Adorei a resenha.
    Bjs

    http://myself-here1.blogspot.com.br/2015/03/video-book-haul-enviados-janeiro-e.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também estava kkk , obrigado !

      Bjoos Miih <3

      Excluir
  4. Oi, o livro tem uma capa linda, não conhecia o livro mas já me ganhou pelo titulo, adorei sua resenha.
    Abraços
    http://litaralmentelivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. SIm, a capa é linda mesmo. Leia é muito bom >< obrigado !

      Bjoos Miih

      Excluir